Título Original: The 5th Wave


Série: A 5ª Onda (Livro 1)


Autor(a): Rick Yancey


Editora: Fundamento


Número de Páginas: 368


Ano: 2013





Todo o tipo de energia foi cortado. Tsunamis deixaram embaixo da água enormes extensões territoriais. Uma peste devastou a maior parte da população restante. Silenciadores foram enviados para matar o que restou dela. Extraterrestres invadiram a Terra há alguns meses e com essas grandes ondas, quase alcançaram seu objetivo: causar a aniquilação da raça humana. Porém se você pensa que os outros, como Cassie chama, são seres verdes, com antenas e vários olhos, está enganado. Eles são exatamente como nós.

Isso dificulta saber quem é realmente da sua espécie e as poucas pessoas que sobreviveram a todos esses ataques se refugiaram em acampamentos, onde devem ficar a salvo tanto dessa desconfiança, como da 5ª Onda, que ninguém ainda tem ideia da qual seja. Cassie, não de Cassandra mas de Cassiopeia, fugiu de um deles quando viu seu irmão ser levado juntamente com várias crianças para outro campo, determinada a encontrá-lo.


Um dia, enquanto caminha em direção ao seu destino, o Campo Abrigo, encontra 3 pessoas recém mortas na rua. E ela sabe o que isso significa. Há um silenciador por perto, um extraterrestre encarregado de matar humanos. Percebendo isso se prepara para sair dali, mas tão logo levanta é atingida por um tiro na perna. Cassie consegue se arrastar para baixo de um carro, um dos muitos que ficaram parados nas estradas devido a 1ª Onda


A garota escapa, entretanto, como havia começado a nevar e sua perna estava ferida, ela não poderia ir muito longe, então fica escondida no porta-malas de um carro, sabendo que precisa sair e continuar sua jornada para encontrar Sammy, seu irmão. Mesmo tudo conspirando contra sair de lá, Cassie deixa seu esconderijo e por isso é encontrada prestes a congelar até a morte por Evan, um garoto que estava procurando por caça. Ele a leva para sua fazenda e toma conta dela, porém Cassie aceita isso com um pé atrás. Seria Evan realmente humano? Pode Cassie confiar em alguém que talvez seja seu pior inimigo?


Enquanto isso, Ben Parish, ex-colega de Cassie, agora conhecido como Zumbi, é resgatado de um acampamento por soldados do Campo Abrigo e levado para lá. Tratam de sua doença para ele então poder ser treinado, ajudar no combate contra os extraterrestres e tentar antecipar qual será a 5ª Onda


Vocês acham que eu falo demais sobre distopias? Porque é basicamente tudo o que estou lendo no momento, fora as obras obrigatórias para a escola. Nunca tinha me dado conta realmente, mas eu adoro distopias e creio isso estar refletido aqui no blog, assim como no que é publicado hoje em dia.


Bom, eu acredito em vida inteligente fora da Terra pois, vejam bem, o universo conhecido até hoje tem uma extensão de mais ou menos 156 bilhões de anos luz, sendo que cada ano-luz equivale a 3,5 milhões de quilômetros. É algo quase inconcebível. Mas saindo da aula de física e voltando para a resenha, nunca imaginei esses extraterrestres atacando o nosso planeta. E lendo A 5ª Onda, tenho certeza de que não gostaria disso.


Quanto ao livro, apesar de trazer uma imagem negativa dos ET's, foi muito bem construído. Embora tenha partes narradas alternadamente, elas se completam de uma forma incrível. Você não se incomoda com qual personagem está narrando, desde que continue lendo para descobrir mais sobre eles próprios e o que vai acontecer em seguida.


Meu maior problema com A 5ª Onda, e creio ser o único motivo de eu não ter dado 5 estrelas, foi Cassie, a personagem principal. Ela tem sim seus bons momentos, mas na maior parte do tempo achei ela parada e sem sal. Mesmo quando está fazendo alguma coisa importante, consegue ser chatinha. Não desgostei dela, porém ela podia ser menos aérea.


Agora, esse é mais um livro onde os personagens secundários roubam a cena, os garotos principalmente são demais, cada um a seu modo. Primeiro você deseja tudo de bom para Bessie, sejam felizes e tchau para Evan Walker. Afinal, como podemos sabemos se ele é realmente confiável? Entretanto, com o desenrolar da história, mais precisamente nas últimas partes, tudo o que você quer é que Evan tome a Cassie em seus braços, lindos segundo a própria, e cavalguem felizes para a fazenda dele. 


Espero que o Rick não me faça a bobagem de criar um triângulo amoroso em O Mar Infinito, isso acabaria com toda a essência da história que claramente é Evassie. Agora vou o quanto antes terminar de ler Clara dos Anjos para enfim começar o segundo título dessa série, apesar de estar apreensiva com algumas coisas, devido ao final levemente alarmante de A 5ª Onda. Beijos e esperem pela resenha de O Mar Infinito!

6 Comentários

  1. Heyy!
    Já tinha ouvido falar sobre esse livro, mas esta é a primeira resenha que leio sobre ele. E, parabéns Re, você conseguiu me deixar super curiosa mais uma vez rs. Também adoro distopias, mas já faz um tempinho que não leio nada nesse gênero e fiquei com muita vontade de ler este.
    Ótima dica!!! E espero a resenha do próximo!!
    Beijos,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!
      Ah, mesmo?! Pior que não tem mesmo muitas por ai... Ah, hahaha, obrigada e que bom, rs. Ah, garanto que vai gostar dele então (:
      Valeu e pode deixar!
      Super beijo!

      Excluir
  2. Deve ser super interessante, eu gosto de histórias assim...

    Já estou seguindo aqui.

    ::Blog Gothic Owl::
    http://gothicowl.blogspot.com.br/2015/03/5-dicas-de-maquiagens-para-quem-usa.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito interessante, com certeza!
      Valeu flor c:

      Excluir
  3. Oi Renata!

    Você não tem noção de como quero ler esse livro! Desde que foi lançado, eu namoro ele nas livrarias... pena que é tão caro! :( Mas espero ler em breve...
    Odeio personagens principais chatinhas... tomara que isso não estrague o livro para mim!

    Parabéns pela resenha! :D

    www.estavarelendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Quel!
      Ai que chato isso, mas e na internet, não tem mais barato? Tomara que você consiga :D
      Não, agora ela não é mais chata não, não depois de O Mar Infinito, ela é só meio... hum, como eu posso dizer, não principal, apesar de ser a principal. Entende? Rs. Não creio que o fará!
      Muito obrigada!

      Excluir

Comentem, vou adorar saber o que acham do post e do blog! Sugestões são sempre bem-vindas, assim como você c: