Boa tarde gente! Como estão? Então, uns dias atrás eu fui indicada pela minha querida parceira do Vida de Leitor para responder essa tag, chamada "Isso ou Aquilo" que tem 14 perguntas. Achei bem legal, espero que gostem tanto quanto eu!
Ah, vou indicar minha outra parceira, a Contra Capa, para responder, mas se alguns de vocês quiser responder também, fiquem à vontade ;D




1. Áudio book ou livro?

Livro, sem nem pestanejar. Acho que áudio books não proporcionam a mesma experiência que um livro traz, de envolvimento com a história e é mais fácil de não prestar atenção, portanto perder algum detalhe importante.

2. Capa dura ou capa mole?
Livros de capa dura são mais resistentes, com um toque vintage, mas os de capa mole são maioria e mais bonitos, e apesar de amassar/estragar mais fácil, são os que eu prefiro.

3. Ficção ou não ficção?

Ficção, com certeza, mas eu não tenho nada contra biografias ou algumas histórias baseadas em fatos reais.

4. Fantasia ou vida real?

Isso depende. Estou mais para fantasia, mas gosto também de histórias que pareçam ser reais, que fazem a gente acreditar que aquilo pode acontecer com você a qualquer momento, sabe?

5. Harry Potter ou Crepúsculo?

A Stephanie e os Twilighters que me desculpem, mas Crepúsculo não chega nem a os pés de Harry Potter. Não pelo fato de eu ser potterhead ou Crepúsculo uma história ruim, eu até gosto no geral, só que Harry Potter é Harry Potter. É a tia Rowling, que fez uma geração inteira acreditar em magia e desejar mais que tudo, receber uma carta de admissão em Hogwarts no seu décimo-primeiro aniversário. Então, O Menino que Sobreviveu.

6. E-book ou livro físico?

Qual estiver disponível. Não tenho nada contra e-book, acho de certa forma mais prático que livro físico, só parece as vezes que ler em e-book não tem a mesma "sensação" de ler um livro comum, falta o cheiro, toque e até mesmo a emoção.

7. Comprar ou pegar emprestado?

Hmm... olha, se eu pudesse compraria todos, teria o quarto mais abarrotado de livros possível, mas desde pequena fui levada em bibliotecas e ensinada que não deveria comprar se tivesse a oportunidade de ler de graça. Então, pegar emprestado, da biblioteca da escola, pública, do próprio bibliotecário, amigas, etc.

8. Livros únicos os séries?

Fico com as séries. Amo muito livros únicos também, mas as vezes eles são tão bons que deixam um vazio, que só é preenchido por uma coisa muito legal chamada "continuação". Claro que séries também acabam, mas demora mais tempo e sempre tem aquela expectativa do autor lançar outro livro (J.K. aguardamos seu anunciamento do 8° HP ansiosamente).

9. Livraria física ou online?

A que for mais barata, hahahaha. Não gente, olha, nada se compara à ir numa livraria, eu amo ir em livraria, olhar todos os lançamentos, pedir (na maior cara de pau) marcadores de página, acariciar os livros, ler um pouco, dar gritinhos de alegria. Mas ultimamente venho comprando pela internet, no submarino geralmente. Se ninguém nunca comprou passa lá qualquer hora dessas, os preços de são quase sempre mais baixos do que uma livraria normal. Também vale pegar as promoções da Saraiva.

10. Livro longo ou curto?

Livro médio. Não, sério. Quando o livro é muito curto parece que falta alguma coisa, que páginas foram arrancadas aleatoriamente, e a história está incompleta e quando é muito longo dá uma preguicinha, embora eu não deixe de ler por isso (!).

11. Drama ou ação?

Ação. Bem mais eletrizante, drama é meio chato, toda uma lenga-lenga, mas eu não acho ruim de todo.

12. Ler no seu canto ou tomando sol?

No meu canto, bem confortável, com uma roupa velha e um cobertor fofinho. Até por que não dá para ler no sol, dá muito reflexo, além de uma dor de cabeça.

13. Chocolate quente, chá ou café?

Chá ou chocolate quente, porque (pasmem!) eu não gosto de café. 

14. Ler resenha ou decidir por si?

Ok, vocês vão achar isso meio contraditório, mas eu prefiro decidir por mim. Isso, pelo simples fato de que, após eu ler a resenha eu não vou conseguir parar de pensar no que eu li e achar que a pessoa estava certa. Por exemplo, eu li no skoob uma resenha falando mal de A Seleção, dizendo que era uma coisa óbvia, sem graça e falando mal da América, e fiquei pensando naquilo até depois de eu ler, tipo "por que a pessoa pensou isso, eu gostei!", "Mas será que eu gostei mesmo, aquela pessoa falou que era ruim/bom, eu não deveria concordar com ela?". É essa sou eu.

Yay, feito! Adorei isso, tomara que tenham adorado também, abraços de urso ^^)

12 Comentários

  1. Oii!! Adorei essa tag (e seu blog)!! Vou responder e programar pra publicar amanhã no meu blog recém-criado! Beijo!!

    P.S.: Se quiser, dá uma visitinha lá ;)
    http://mundomagicolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Muito obrigada :D
      Claro, faz isso sim. Boa sorte com seu blog vou lá visitar, haha.
      Bj

      Excluir
  2. O problema (ou solução) da resenha é que ela fala mais do autor do que do livro em si.
    Parabéns pelo blog, moça =D
    Pra quem começou há pouco tempo, você tá indo no caminho certo e com louvor! Continue assim que você vai longe, menina (;
    Beijos.

    http://dillymonnete.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hmm... eu sempre tento falar um pouco dos dois, hahaha :P
      Aww, obrigada, obrigada, tô até sem graça x3
      Um super abraço!

      Excluir
  3. Tou pasma mesmo! Sem o café de toda manhã meu dia fica tããão lento! kkk
    Eu queria ter aprendido o lance do rodízio de livros. Na minha casa eu tenho um armário tão cheio de livros que não tem espaço nem pra deixar tudo organizadinho, não cabe! rs A desvantagem é que eu não li nenhum terço deles ainda, porque não dá tempo, tem sempre livro ótimo sendo lançado. rs Se vc topar um intercâmbio de livros eu tou dentro! kk
    Sobre os e-books, eu concordo contigo, nada substitui a textura e o cheiro do papel, até hoje li só um livro no computador e foi Romeu e Julieta (vc já leu o texto original? existem histórias que de tanto serem faladas a gente conhece de trás pra frente sem precisar ter lido, quando eu li me surpreendi, é mto mais legal do que eu "sabia", com Dom Casmurro foi a mesma coisa). As séries são muito legais mesmo, mas o ponto negativo, pra mim, é que os personagens acabam virando tipo sua família, quando eu li o segundo diário de Bridget Jones eu fiquei tão deprê, sempre pensava nela, no que poderia tar acontecendo na vida dela (rsrs), lançaram o terceiro, mas ainda não li. Livros que não são seriados quando são muito bons deveriam ter tamanho infinito, eu nunca teria ter parado de ler as histórias da Menina que roubava livros, livro lindo e emocionante, chorei durante uns dias depois de terminar de lê-lo.
    Caracas, eu vou parar de escrever aqui, se não vc vai ter a sensação de tar lendo um livro pelo tamanho do comentário! kkk
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, não, café deixa meu dia amargo e enjoado ;P
      Ah, minha estante está recém começando a crescer, e sim, tem vários livros que eu não li também, mas é bem organizada, disso eu posso me gabar, hahaha, os livros que eu já li estão de pé e os que ainda não li ficam deitados.
      Viva, claro, vamos sim!
      Ah, gosto de ebooks, até demais as vezes, hehe. Acredite ou não, nunca li Romeu e Julieta, só quando eu era menor, a versão para crianças. Acho que não me interessei pois foi escrito como sendo uma peça de teatro, achei que ser uma história muito confusa.
      Aham, sinto isso também, comigo foi assim com várias séries, principalmente com a Saga do Tigre. Néééé?? Meu Deus, eu podia ler a Menina que Roubava Livros para sempre (principalmente se acontecesse uma reviravolta e o Rudy ressuscitasse ou sei lá o que).
      Relaxa, pode escrever o quanto mais quiser, adoro ler comentários <3
      Outro \o/

      Excluir
  4. esse é um dos motivos pelos quais n sou chegada a ler resenha tbm. Gosto de decidir por mim se o livro é bom ou não e tbm n sou de fazer resenhas pelo mesmo motivo u.u tbm n gosto de café >< e tbm prefiro o livro fisico, embora, na falta de dinheiro, tenha recorrido ao e-book um bando de vezes (pra ler os cinco ultimos livros da serie A Mediadora, a série 1-800 Onde Está você? e tbm outros livros da Meg ><). tbm prefiro a livraria fisica, apesar de ser tortura psicologica entrar la sem dinheiro. e nada melhor do q ler um livro na sua cama, confortavel :3 nunca senti vontade de escutar audio-book. ficaria muito distraida e perderia a paciencia u-ú quanto a séries... há casos e casos. tem alguns livros q, p mim, n precisam de continuação, poderiam acabar em tal livro... por exemplo, ja leste a serie FEIOS? pra mim, deveria ter parado no terceiro. Sei la, o quarto é completamente desnecessario. pelo menos na minha opinião >< mas tem tbm uma outra serie As Brumas de Avalon, pela qual sou completamente apaixonada, que alem de ter os quatro livros da serie, tem mais dois (q n sei se foram lançados antes ou depois dos quatro) e que cronologicamente falando, acontece antes do q se passa em Brumas... fala do imperio romano e tals e como avalon ficou cercado por brumas... tudo q antecedeu o nascimento do rei arthur. é muito perfeito. li na biblioteca do colegio *o* precisas ler, se ainda n conheces. quero comprar os dois. A Casa da Floresta e A Senhora de Avalon. :3 e ler tudo de novo, os seis <3 ainda mais q to estudando literatura medieval (e tenho prova amanha .-.). É muito interessante. <3333

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aham! Bem, já nesse ponto de FAZER resenhas, somos divergentes, tipo, eu tenho que dar minha opinião sobre os livros, indicar um muito bom, evitar um ruim, tento ajudar dando comentários, haha.
      É nós, abaixo o café, viva o chá e toddy o/
      A Mediadora eu li toda em ebook, e pretendo ler a Desaparecidos, que que eu saiba e o nome da 1-800 Onde Está Você em português. Dá pra ver que você ama a Meg né c;
      Uhum *-*
      Ah não, eu amei o Extras! Tipo, acho que dava pra ver mais como foi a relação da Taly e o David e adorei aquele negócio de popularidade e tal, fiquei bem agradecida pelo Scott ter escrito um spin.
      Nunca li, mas pretendo ler! Não sabia que tinha mais dois livros, interessante isso, n~~ao quero perder nada da história ^^
      Boa sorte com a sua prova, bardos e trovadores hahaha! Deve ser mesmo, acho bem legal, mas complexo, por exemplo, para escrever um livro sobre aquela época tem que ter muito cuidado com TUDO.
      Obrigada e beijos :3

      Excluir
  5. Essa Tag é o máximo. Lembro que já a respondi um tempo atrás!!! Gostei das suas respostas com exceção de algumas; como assim vc é uma blogueira literária que não gosta de ler resenhas???? Tudo bem que quando é uma resenha de um livro que vc vai ler logo logo vc pode até pular o parágrafo onde o blogueiro fala da história em si, mas é importante sabe se o mesmo avaliou positivamente ou não. Mas está certo, cada um tem seu jeito.

    Outra coisa sobre os livros longos ou curtos, para mim sua qualidade depende do potencial do autor. Existem livros curtos que conseguem desenvolver uma história bem mais interessante e completa que muitos grossos. Enfim não costumo avaliar pela quantidade de páginas.

    Mas foi ótimo te conhecer um pouco mais!!! Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem interessante não?! Bom, fazer o que, haha.
      Já mudei minha opinião sobre isso, rs, eu quis dizer que muitas vezes as resenhas me influenciam no que vou pensar do livro ou pior, tem spoilers. Sim, sim, é isso que eu sempre procuro! C:
      É, isso está certo também, mas as vezes por mais que eu goste do livro, parece que a história não acaba, hahaha, embora depois eu deseje que fosse assim.
      Claro, beijão ;*

      Excluir
  6. Ah Meu Deus, mandei um comentário para você a menos de 2 minutos atras e ja estou mandando esse. Se não se importar gostaria muito de fazer essa tag também ^^
    http://imperfeicaoliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, que é isso, muito bom receber comentários (entusiasmados) assim! Não me importo nem um pouco, faça todas as que quiser flor ;3

      Excluir

Comentem, vou adorar saber o que acham do post e do blog! Sugestões são sempre bem-vindas, assim como você c: